Páginas

sábado, 23 de junho de 2012

Árvore genealógica das primeiras gerações da Família Ribeiro (1737 - 1944)


Vamos colocar no blog uma sequencia de árvores genealógicas das Famílias Ribeiro e Souza, ancestrais da pesquisadora Ismênia Ribeiro Schneider, duas famílias que entrecruzaram seus caminhos na construção de cidades e da cultura da Serra Catarinense.
Com as árvores esperamos que fique mais fácil de visualizar os dados genealógicos aqui expostos.
Iniciamos com as primeiras gerações da família Ribeiro e colaterais.
Os estudos dessas duas famílias compreende dez gerações da Família Ribeiro e nove da Família Souza. Naturalmente, em árvore genealógica é impossível colocar todos os dados em uma só árvore. Vamos tentar colocar por geração. Portanto, a árvore apresentada acima mostra a primeira união entre as duas importantes famílias, que aconteceu entre João da Silva Ribeiro "Sênior" (1787 - 1868) e Maria Benta de Souza (1790 - 1857). Foi dessa união que surgiram nove descendentes, dentre eles João da Silva Ribeiro Júnior (Coronel João Ribeiro).

Árvore elaborada a partir das pesquisas de Ismênia Ribeiro Schneider
Desenhada no programa Genopro por Miriam Ribeiro Schneider
Editada por Daniela Ribeiro Schneider

21 comentários:

  1. Saudações Sra. Ismênia!
    Gostaria inicialmente de lhe parabenizar pelo seu maravilhoso empenho em nos dar a graça de saborear um pouquinho desta bela pesquisa que a senhora realiza a tantos anos.
    Observando este pequeno recorte da arvore de nossas famílias Ribeiro e Souza, pude mais uma vez me lembrar de como é complexa esta teia de relações de parentesco que nossas famílias estabelecem no decorrer dos séculos.
    Mais uma vez parabéns e ate à próxima
    Giliard de Souza

    ResponderExcluir
  2. Ola meu nome é Samuel Henrique Ribeiro dos santos sera que minha linhagem dai tambem?ou natural de Recife PE

    ResponderExcluir
  3. minha familia tem o sobrenome Ribeiro e eu estou fazendo a arvore genealogica, e eu queria saber quem q deu origem a minha familia so que estou muito perdido afinal os pais de meus pais ja faleceram e não tem nenhum irmão que possa falar quem e os meus bisavos.Como que eu posso descobrir?

    ResponderExcluir
  4. MINHA AVÓ TEM 92 ANOS O NOME DELA E ANIZIA JOSEFA RIBEIRO, ELA NASCEU EM TEFÉ NO AMAZONAS MAS A FAMILIA DELA E DO MARANHÃO OS PAIS DELA SE CHAMAM ROMULO JOSE RIBEIRO E MARIA R RIBEIRO GOSTARIAMOS DE ENCONTRAR PARENTES NO MARANHÃO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AMIGO A MINHA AVÓ FALAVA DESSE NOME ANIZIA, FALAVA TAMBÉM , DO AMAZONIA, PRECISAMOS FAZER MAIS PESQUIZAS PRA VER SE SOMOS PARENTES PROXIMOS, TEM UM PARENTE QUE CANTOU NAQUELA BANDA (PLACA LUMINOZA) JÁ DESCOBRI QUE ELES SÃO PRIMOS MEUS DE 4º GRAU, ME RESPONDA POR FAVOR. Bjos MARIA TEREZA RIBEIRO MARQUES: O MARQUES É DO MEU MARIDO

      Excluir
    2. Olá

      Minha mãe chamada Benice Ribeiro nasceu no Amazonas, seu pai é oriundo do Maranhão. O mesmo chamava-se Marcos Ribeiro. Não tenho nenhuma informação sobre parentes do meu avô. Gostaria de tentar algum contato.O mesmo veio para o Amazonas na década de 30 ou 40.

      Excluir
  5. Meu Pai se chamava Modesto Pereira Ribeiro ,nasceu no Rio de Janeiro e gostaríamos de encontrar parentes.

    ResponderExcluir
  6. Olá, Ana Maria e Mario Junior!
    Acredito que não há grau de parentesco. Talvez o sobrenome Ribeiro de vocês venha de outa linhagem. A linhagem dos Ribeiro que eu estudo veio do norte de Portugal, de Trás-os-Montes.
    Abraço,
    Ismênia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ismênia, Ana Maria, Mário e tantos outros de sobrenome Ribeiro. Meu nome é Stênio Ribeiro de Sousa, 64 anos, do Ceará, e estou chegando agora na perscrutação histórica da nossa origem familiar.
      É complicado, pra não dizer impossível, amarrar as pontas sobre quem é quem no vasto clã Ribeiro, que tem representantes em todas as unidades da Federação.
      Como Ismênia citou a origem na região norte-interior de Portugal, Trás-os-Montes, me ocorreu lembrar o primeiro registro, nada lisonjeiro, de um Ribeiro em terras brasileiras. Consta na Carta de Pero Vaz de Caminhas, em 1500, que Pedro Álvares de Cabral deixou dois degredados portugueses na então Terra de Santa Cruz, antes de rumar para as Índias. Um deles era Afonso Ribeiro, acusado de assassinato em sua terra. Crime do qual foi inocentado depois, de acordo com historiadores. Mas, nada mais se sabe sobre ele.
      Se eu descobrir algo lhes comunicarei, com certeza.
      Saudações a todos.

      Excluir
    2. Obrigada pelo comentário Stênio! Qualquer descoberta ou dado genealógico é muito bem vindo!
      Boa sorte com as suas pesquisas!
      Caso ainda não conheça, indico um site em que é possível fazer buscas e acessar documentos originais digitalizados: www.familysearch.org
      Abraço,
      Ismênia.

      Excluir
  7. Oii..gostaria de saber como que faço para saber mais sobre meu parentesco!
    Meu sobrenome é Ribeiro, e não sei de qual linhagem ele veio!
    Obrigada.

    Alyssa Ribeiro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Alyssa!
      É importante que você saiba o nome de alguns ancestrais seus, pelo menos até os bisavós. Assim, posso verificar se o seu sobrenome Ribeiro está relacionado à linhagem que eu estudo.
      Com esses dados, você também pode buscar documentos originais de batismos, matrimônios e óbitos no site: www.familysearch.org

      Abraço, Ismênia.

      Excluir
  8. Meu nome é Hannah Ribeiro da Silva Mozer, meus avós eram primos e se casaram os dois continham o mesmo sobrenome, meus avós contavam que os dois avôs deles (que eram irmãos) vieram para o Brasil, atualmente a minha família mora no Rio de Janeiro, gostaria de saber se há algum registro de dois rapazes que vieram ao Brasil antes de 1900 e se tem alguma ligação com os Ribeiro do norte de Portugal, de Trás-os-Montes?

    ResponderExcluir
  9. Olá Hannah,
    Você sabe os nomes de seus ancestrais?
    Assim fica mais fácil de eu verificar se tenho alguma informação sobre a sua família, e se ela tem alguma ligação com a linhagem que estudo.
    Se preferir, pode enviar os dados para o meu e-mail: menoka@uol.com.br
    Abraço, Ismênia.

    ResponderExcluir
  10. OI MEU NOME É KELLI GOSTARIA DA AJUDA DE VCS .MINHA MAE FALECEU EU AINDA ERA MUITO CRIANÇA.NUNCA SOUBE NADA DA FAMILIA DELA.SÓ SEU O NOME DOS MEUS AVÓS MARIA ROSA RIBEIRO E DIMAS RIBEIRO.SERA QUE VCS PODEM ME AJUDAR POR FAVOR A ENCONTRAR ALGUM PARENTE DELA.ISSO É MUITO IMPORTANTE PRA MIM.DESDE JA MUITO OBRIGADA.MEU E-MAIL É MASSAMBANIKELLI@GMAIL.COM

    ResponderExcluir
  11. ola meu nome e Francisco Lucas Ribeiro Neto meu avo e francisco lucas ribeiro sempre me perguntei de onde vinha esse nome Ribeiro somos do ceara sera que tem alguma ligação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Francisco!
      Não temos conhecimento de nenhum parentesco no Ceará. Mas seria importante verificar o nome de seus bisavós, trisavós e tataravós para ter mais clareza.
      A linhagem que eu estudo veio do norte de Portugal para o sul do Brasil. O primeiro Ribeiro que temos notícia de chegar no Rio Grande do Sul foi Manoel da Silva Ribeiro (nasceu em 1712, em São Pedro de Atei, Arcebispado de Braga, Portugal e faleceu em 04.10.1802, em Lages/SC).
      Att.,
      Ismênia.

      Excluir
  12. Olha que legal. Minha mãe e Souza e meu pai e Ribeiro. Ai vejo que os 2 sobrenomes ja estão unidos a decadas

    ResponderExcluir
  13. Olá, não tenho Ribeiro no nome, mas o pai da minha avó se chamava Antônio Ribeiro Prado e ele veio de Portugal, se alguém tiver informações sobre a família Ribeiro e Prado, favor me informar, estou interessado em fazer uma árvore genealógica.

    ResponderExcluir
  14. Olá,gostaria de saber se temos algum parentesco.
    Meu pai Nelson Pedro Ribeiro.
    Meu avô Silvério Pedro Ribeiro Sobrinho.
    Meu bisavô Urias Pedro Ribeiro.
    Desde já obrigada.

    ResponderExcluir
  15. GENEALOGIA E GENÉTICA DA ORIGEM DE FAMÍLIAS COMO AS DE SOBRENOME RIBEIRO POR FLÁVIO DE SÁ COHEN, CONTINUAÇÃO.....
    NO ESTUDO DO GENOMA BRASILEIRO, ‘’RETRATO MOLECULAR DO BRASIL’’, E EM OUTRO MAIS NOVO ESTUDO SOBRE DNA DOS BRASILEIROS, CONSTA QUE O PERFIL GENÉTICO DO DNA DE BRASILEIROS BRANCOS REVELA QUE A ESMAGADORA MAIORIA DAS LINHAGENS PATERNAS DA POPULAÇÃO BRANCA DO PAÍS VEIO DA EUROPA, MAS QUE, SURPREENDENTEMENTE, 60% DAS LINHAGENS MATERNAS SÃO AMERÍNDIAS OU AFRICANAS. ISSO OCORREU É CLARO , PORQUE NO INÍCIO DA COLONIZAÇÃO DO BRASIL, NÃO HAVIA MULHERES BRANCAS SUFICIENTES PARA TODOS OS COLONOS, AS PRIMEIRAS COMEÇARAM A CHEGAR CERCA DE 30 A 50 ANOS APÓS O INCÍO DO REPOVOAMENTO DO PAÍS COM EUROPEUS. ESSE MESMO ESTUDO DA GENÉTICA DA POPULAÇÃO BRASILEIRA, DEU UM NOVO RETRATO DAS CONTRIBUIÇÕES DE CADA ETNIA PARA O DNA DOS BRASILEIROS, OBTIDO COM AMOSTRAS DAS CINCO REGIÕES DO PAÍS, INDICA QUE, EM MÉDIA, ANCESTRAIS EUROPEUS RESPONDEM POR QUASE 80% DA HERANÇA GENÉTICA DA POPULAÇÃO, TANTO BRANCOS, COMO NEGROS, E INCLUINDO PORTADORES DO SOBRENOME RIBEIRO QUE POSSUAM QUALQUER COLORAÇÃO DE PELE . A VARIAÇÃO ENTRE REGIÕES É PEQUENA, COM A POSSÍVEL EXCEÇÃO DO SUL, ONDE A CONTRIBUIÇÃO EUROPEIA CHEGA PERTO DOS 90%, DEVIDO A IMIGRAÇÃO MACIÇA OCORRIDA NO FINAL DO SÉCULO 19 . PUBLICADO NA REVISTA CIENTÍFICA "AMERICAN JOURNAL OF HUMAN BIOLOGY" POR UMA EQUIPE DA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE BRASÍLIA, DÃO MAIS PESO A RESULTADOS ANTERIORES, OS QUAIS TAMBÉM MOSTRAVAM QUE, NO BRASIL, INDICADORES DE APARÊNCIA FÍSICA COMO COR DA PELE, DOS OLHOS E DOS CABELOS TÊM RELATIVAMENTE POUCA RELAÇÃO COM A ASCENDÊNCIA DE CADA PESSOA. ESSE DNA DE BRASILEIROS QUE É DE 80% DE ORIGEM EUROPÉIA ESTÁ INCLUSIVE PRESENTE EM TODOS OS NEGROS E PARDOS ( SÓ NO FENÓTIPO) COM SOBRENOMES RIBEIROS , QUE VOCÊ DIZ TEREM SIDO ADOTADOS, NA VERDADE ELES SÃO É DESCENDENTES. FENÓTIPO NÃO TEM NADA A VER FENÓTIPO, OU APAÊNCIA FÍSICA . SEGUNDO O CORRDENADOR DESTA PESQUISA O GENETICISTA BRASILEIRO RINALDO WELLERSON PEREIRA : ‘’ JÁ HOUVE ESTUDOS DE ASSOCIAÇÃO GENÉTICA COM GRUPOS DEFINIDOS COMO "BRASILEIROS BRANCOS E BRASILEIROS NEGROS". NO FUNDO, ESSAS DEFINIÇÕES NÃO QUEREM DIZER ABSOLUTAMENTE NADA", AFIRMA PEREIRA. PARA ISSO, OS PESQUISADORES RECORRERAM A AMOSTRAS DE DNA DE AFRICANOS (DE BOTSUANA, CAMARÕES, GANA E SENEGAL), AMERICANOS DE CHICAGO E BALTIMORE COM ORIGEM EUROPEIA E ÍNDIOS ZAPOTECAS, DO MÉXICO. SE PARECE MISTERIOSO O FATO DE QUE UMA PESSOA COM BIOTIPO AFRICANO TENHA ORGANISMO "BRANQUEADO" E ASCENDÊNCIA PREDOMINANTEMENTE EUROPEIA, É PRECISO LEVAR EM CONTA O FATO DE QUE, ATÉ ONDE SE SABE, SÃO POUCAS DEZENAS DE GENES (DENTRE OS 20 MIL ESTIMADOS PARA O GENOMA HUMANO COMO UM TODO) QUE COORDENAM AS DIFERENÇAS DE PELE, CABELOS E OLHOS. UMA INFORMAÇÃO INTERESSANTE SOBRE A GENEALOGIA PORTUGUESA TANTO A COMUM COMO A REFERENTE AOS JUDEUS SEFARDITAS E CRIATÃO-NOVOS OU ANUSSIM, É QUE MUITOS PSEUDO HISTORIADORES E GENEALOGISTAS INSISTEM , CRIEO EU PROPOSITADAMENTE, EM IGNORAR E NÃO DIVULGAR ,É O FATO DE QUE A FAMÍLIA RIBEIRO OU RIBEIRA, BEM COMO AS FAMÍLIAS MENEZES, SOUZA, SOUSA, SILVEIRA E GAMA, TEM EM COMUM O FATO DE DESCENDEREM DE REIS PORTUGUESES, QUE POSSUIAM ENTRE SEUS ANCESTRAIS , POR SUA VEZ, ALÉM DOS ANTIGOS REIS VISIGODOS CRISTAOS, TAMBÉM JUDEUS SEFARDITAS DA LINHAGEM DA CASA DE DAVID, E TAMBÉM ANCESTRAIS CUJA ORIGEM ESTAVAM ENTRE OS ANTIGOS KAGANS OU IMPERADORES JUDEUS DA KHAZARIA, NA EUROPA ORIENTAL, POIS TODOS ESSES REIS PORTUGUESES E ESPANHOIS QUE FORAM ANCESTRAIS DOS RIBEIRO E DEMAIS FAMÍLIAS ACIMA, ESPECIFICAMENTE CITADAS POR MIM , DESCENDIAM, POR DUAS LINHAGENS, DO IMPERADOR BIZANTINO LEÃO IV, O KHAZAR , QUE ERA FILHO DE UMA PRINCESA DA KHAZARIA COM O IMPERADOR ROMANO DO ORIENTE OU BIZANTINO DA ÉPOCA ANTERIOR A QUE ESSES REIS PORTUGUESES E ESPANHÓIS VIVERAM, OU SEJA TODOS ESTÃO JUNTOS E MISTURADOS NA PRESENTE ERA ATRAVÉS DE DEUS DESCENDENTES DE PELE CLARA OU ESCURA, ATÉ O DIA DE HOJE.

    ResponderExcluir